Natal Luz de Gramado 2020 / 2021 : Gramadotur analisa possibilidade de realizar espetáculo Illumination

Natal Luz de Gramado - Illumination no Lago Joaquina Rita Bier - Foto Cleiton Thiele
Natal Luz de Gramado – Illumination no Lago Joaquina Rita Bier – Foto Cleiton Thiele

Natal Luz de Gramado 2020 / 2021 : Gramadotur analisa possibilidade de realizar espetáculo Illumination no Lago Joaquina Rita Bier. Natal Luz de Gramado 2020 / 2021 será realizado entre 22 de outubro a 30 de janeiro de 2021

O Governo do Estado publicou no Diário Oficial de segunda-feira (28.09), o Decreto 55.513, que trata das novas medidas adotadas em relação ao Sistema de Distanciamento Controlado. Com isso, novas medidas sanitárias, de forma segmentada, estão valendo no Estado. Entre elas está a liberação do espetáculo Illumination, no Lago Joaquina Rita Bier, desde que alguns requisitos sejam alcançados: o espetáculo só poderá acontecer após o retorno presencial das aulas; 14 dias seguidos, sem bandeira vermelha ou preta em Gramado, antecedentes ao show; apenas 35% de lotação do espetáculo; e os demais protocolos sanitários gerais, como disponibilização de álcool em gel, uso de máscara obrigatório e distanciamento social. 

Conforme o governador Eduardo Leite havia anunciado nos últimos dias, serão divulgadas, na próxima semana, as regras para a liberação de eventos de maior porte – como atividades culturais, feiras e shows – em municípios que se localizam em regiões com bandeira laranja (risco epidemiológico médio) ou amarela (risco epidemiológico baixo) há pelo menos duas semanas consecutivas. A medida será possível em virtude da redução de hospitalizações e de óbitos causados pela Covid-19 em todas as regiões.

Para o Presidente da Gramadotur, Rafael Carniel de Almeida, “a liberação do Estado possui condicionantes sérias, cujas respostas não dependem apenas da Gramadotur: precisamos de respostas do Município sobre prazos e condições para retorno irrestrito do ensino presencial, e pelo que soube, esta situação vem sendo conduzida em conjunto com a Amserra”. “A partir dessa previsão de data e do risco de mudanças de bandeira, que podem acarretar pedidos de devolução de ingressos, precisamos estimar se o espetáculo seria financeiramente viável. A pandemia ainda não acabou”, afirma Carniel. “Precisamos aumentar o controle para recebermos mais turistas, e não fragilizá-lo. Considero que condicionar um show de Natal, que já está repleto de protocolos, ao retorno de aulas presenciais, onde há vulnerabilidade de contágio entre famílias pela interação das crianças, é um erro, sobretudo porque pode nos empurrar para agravações de bandeira que prejudicariam a continuidade do próprio espetáculo”, avalia o presidente da Gramadotur.